Magritte
Search e Contactos
Blogger

Feed Tugir Google Reader
Google


View blog authority

Home Page
Página Principal


Portugal

Mail@Mail:
Geral Tugir
Luis Novaes Tito [LNT]
Carlos Manuel Castro [CMC]


Portugal 2007



Arquivos
Janeiro 2004

Fevereiro 2004

Março 2004

Abril 2004

Maio 2004

Junho 2004

Julho 2004

Agosto 2004

Setembro 2004

Outubro 2004

Novembro 2004

Dezembro 2004

Janeiro 2005

Fevereiro 2005

Março 2005

Abril 2005

Maio 2005

Junho 2005

Julho 2005

Agosto 2005

Setembro 2005

Outubro 2005

Novembro 2005

Dezembro 2005

Janeiro 2006

Fevereiro 2006

Março 2006

Abril 2006

Maio 2006

Junho 2006

Julho 2006

Agosto 2006

Setembro 2006

Outubro 2006

Novembro 2006

Dezembro 2006

Janeiro 2007

Fevereiro 2007

Março 2007

Abril 2007

Maio 2007

Junho 2007

Julho 2007

Agosto 2007

Setembro 2007


Apontadores, Alojamentos e Ferramentas
APDeites
APDSI
Blogo
Blogopédia
Blogs no Sapo
Blogservatório
Dead Links
Directório Paralaxe
Frescos
Gartner
NewsFeeder
Posto de Escuta
Trackback
Weblog.com.pt/


Para saber...
Destakes . Today's Front Pages

Estudos sobre o Comunismo
Opus Dei
Grande Oriente Lusitano
News Feed




Blogs

<- A ->
Abencerragem
Abjurado
Abrangente
Abrigo de Pastora
Abrupto
Absolutamente Ninguém
Absorto
Abstracto Concreto
Actos Irreflectidos
Adufe 4.0
Africanidades
Água Lisa (6)
Aguarelas de Turner
Alberto Velasquez
Aldrabas, Batentes e Fechaduras
Alfragide XXI
Algures Aqui
Aliviar o Pensamento
Almocreve das Petas
Um Amor Atrevido
Amicus Ficaria
O Amigo do Povo
Anarca Constipado
Arcádia
Ardelua
Arrastão
Arroios
A Arte da Fuga
Arte de Opinar
O Artolas
Aspirina B
Atento
Atribulações Locais
Átrium
Avatares de um Desejo
Avenida Central
Axonios Gastos

<- B ->
A Barbearia do Senhor Luís
Bazonga da Kilumba
Bem pelo contrário
Bica e Bagaço
Bichos Carpinteiros
O Bico de Gás
Bisca dos 9
Blasfémias
Blogame Mucho
Blogdozé
Blog Operatório
Blogotinha
Bloguítica
Blue Lounge
Bomba Inteligente
Bonfim
Briteiros
Butterflies & Fairies

<- C ->
O Cachimbo de Magritte
Caetera
Cais da Linha
Câmara Corporativa
Canhoto
Cão com Pulgas
Carlos Alberto
O Carmo e a Trindade
Carreira da Índia
A Causa foi Modificada
Causa Liberal
Causa Nossa
Mas Certamente que sim
Cinco Dias
Claro
Click Portugal
Cogitando
Confraria das Bifanas
Congeminações
O Condomínio Privado
Contra Capa
Corta-Fitas
Crítico
Crónicas Alfacinhas

<- D ->
Dar a Tramela
Descrédito
Despertar da Mente
A Destreza das Dúvidas
Destak
Devaneios Desintéricos
2 + 2 = 5
2 Dedos de Conversa
Defender o Quadrado
Dia da Espiga
O Diplomata
DoteCome Blog
- 273,15º C

<- E ->
Economia & Finanças
Elba EveryWhere
E.N 101
Ensaio Geral
Errante
Escaninho
O Escudo
Espumadamente
Esta Lisboa que eu Amo
Estrada Poeirenta
Estranho Estrangeiro
Expresso Conspiracy
Expresso Direcção

<- F ->
Faccioso
Fayal
Faz-te ao Largo
Filhos Perdidos
Fim de Semana Alucinante
Food-i-do
Foram-se os Anéis
A Forma e o Conteúdo
Forum Campo de Ourique
Forum Cidadania
Forum Comunitário
Freelance
French Kissin'
Fumaças
O Futuro Presente

<- G ->
Galo Verde
Gazeta Lusitana
Geração Rasca
Gestão/Marketing
Glória Fácil
Grande Loja Queijo Limiano

<- H ->
Há Mouro na Costa
Hoje há Conquilhas
O Homem do Leme

<- I ->
Ideias Soltas
Ilhas
A Ilusão da Visão
In Absentia
Inclusão e Cidadania
Incoativo
Incontinentes Verbais
Insinuações
O Insurgente
A Insustentável Leveza
Íntima Fracção

<- J ->
Jardim de Luz
JNPDI
João Soares
Jornalismo e Comunicação
JS Famalicão
JS Tomar
O Jumento

<- K ->
Klepsýdra
Kontrastes 2.0
Kontratempos

<- L ->
Lapas do Almonda
Legalices
A Lei do Funil
Letras com Garfos
LiBlog
Linha de Cabotagem
Linha de Conta
Lisboa Lisboa
LisbonLab
Lisbon Photos
Da Literatura
Lóbi do Chá
Loja de Ideias
Luminiscências
Lusofin
Luz e Dias

<- M ->
Macroscópio
Mader Focar
Mais Actual
Malaposta
Manos Metralhas
Mar Salgado
Margem Esquerda
Margens de Erro
Marquesa
Marretas
Ma-Shamba
Mau Tempo no Canil
Meia Laranja
Meia Livraria
Memória Virtual
Minha Rica Casinha
Miniscente
Miranda e Eu
Miss Pearls
Mitos Rurais e Urbanos
O Mocho II
A Montanha Mágica
Mudar a Máquina do Estado...
Muito cá da Casa
O Mundo Perfeito
Mundo Pessoa
Murcon
Murro no Estômago

<- N ->
Nada mais Claro
Nelsu, uma preta!
Nimbypólis
A Nossa Rádio
Os Nossos Queridos Jornalistas Desportivos
Notas ao Café
Notas Verbais
Nova Floresta

<- O ->
Objectiva 3
Ocasionalidades
Office Lounging
Oito Cinco Oito (858)
Ondas 3
On the Road Again
Opinar para Avançar
A Origem das Espécies

<- P ->
Palavras de Ursa
Pantalassa
A Par e Passo
A Partir de Inglaterra
Passado/Presente
Os Pássaros
Pé de Meia
Pedro Santana Lopes
Penamacor
Penduras
Pensamentos
Pequenos Nadas
O Perdigueiro
O Plagiário
Poeta sem poesia
Poetry Café
Política Maluca
Eu sou o Politicopata
Ponte Europa
Ponto Média
Pornograffiti
Porto das Crônicas
Por Tu Graal
Portugal dos Pequeninos
Do Portugal Profundo
Povo de Bahá
PS Ajuda
PS Belém
PS Lumiar
Publicista
Pura Economia
Puro Arábica

<- Q ->
Quarta República
Quase em Português

<- R ->
RandomBlog02
The Record Keepers
Regi Linda
Relações Internacionais
Respirar o Mesmo Ar
O Restaurador da Independência
Retórica
Retorta
Revisão da Matéria
Rititi
A Rosa
Rua da Judiaria

<- S ->
Santa Terrinha
Saude, SA
Sem Estrada
Setairis
Sinais Tortos
Sobre o Tempo que Passa
Solidariedade e Cidadania
A Sombra da Bananeira
A Sombra do Convento
SOS Acriticismo
Substrato
Suspeitix

<- T ->
Tasquinha
Tempo dos Assassinos
O Tempo das Cerejas
Timshel
Tomar
Tomar Partido 2
Toxana
Tralapraki
31 da Armada

<- U ->
Último Reduto
Ultraperiférico

<- V ->
Vento Sueste
Véu da Ignorância
A Vida Breve
Vida das Coisas
25 centímetros de neve
VoxBlogs Magazine
A Voz do Povo


RIP
<- A ->
Abnegado
Abrir Lisboa
Adufe
Água Lisa (0) (Bota Acima)
Água Lisa (1)
Água Lisa (2)
Água Lisa (3)
Água Lisa (4)
Água Lisa (5)
<- B ->
Barnabé
Blogolento
Bombyx Mori
<- C ->
O Carimbo
Cidadania Europeia
Cidadão Livre
Cidadãos por Lisboa
<- D ->
O Desenvolvimento Sustentável
<- E ->
O Espectro
Estaleiro
<- F ->
Forum Cidade
<- G ->
Guterres 2006
<- J ->
Janela para o Rio
Jaquinzinhos
O Jumento (Blogdrive)
<- M ->
Manuel Alegre Campanha
Manuel Alegre-Alargar a cidadania
Manuel Alegre - O Quadrado
Manuel Alegre(SG-PS)
<- P ->
O País Relativo
O Pastelinho
Penduras (antigo)
Pulo do Lobo
<- S ->
SIM (Portal)
De Socas nos Pés
Super Mário
<- T ->
Ter Voz
Terras do Nunca
Tratado da Constituição Europeia
<- W ->
Westerpart
<- V ->
Victum Sustinere
Viva Espanha
Votaria SIM
Vozeirão Virtual
<- X ->
Xicuembo


Portal do Governo - Programa XVII Governo (PDF)
- Programa Eleitoral PS (PDF)

Presidência da República

Comissão Nacional Eleições . TuCows

C/Net . TuCows

Apdeites . PTbloggers

You Tube . Metacafe

BlogPulse . BlogIceRocket

SNAP . SNAP

Google Search . Dir M Busca

Blog Search . Technorati

UEFA

More blogs about http://tugir.blogspot.com


Jiminy Cricket

Sitemeter Summary Sitemeter Referrals Sitemeter Gráfico Contador (ext) Imagens Webmail Blogger www2 Dicionario




Comunicação Social (Portuguesa)
Jornais
Açoriano Oriental
Antena 1 (P. Rolo Duarte)
A Bola
Correio da Manhã
Democracia Liberal
Destak
Diário dos Açores
Diário de Aveiro
Diário Digital
Diário Económico
Diário de Notícias
Expresso
Fábrica de Conteúdos
O Jogo
Jornal do Fundão
Jornal de Negócios
Jornal de Notícias
Lusa
O Primeiro de Janeiro
O Público
Rádio Clube Português
Rádio Comercial
Record
RTP
Sábado
Sapo XL (ver SIC directo)
SIC
SOL
TSF
TVI
TVNet
Visão
SICn ao vivo
SICn ao vivo


Comunicação Social (Estrangeira)
Jornais
Al Jazeera English
BBC
CNN
Le Figaro
Google News
Guardian Unlimited
Lisbon Times
Le Monde
El Mundo
MSNBC
NASA TV Public Channel
The New York Times
El Pais
Reuters
Time
The Times
USA Today
Veja


Outros WebSites

Ingrid Betancourt
Ingrid Betancourt

Liberdade Sequestrados FARC
Assinaturas Sequestrados FARC
Referências Sequestrados FARC

Stop Executions
Stop executions now

1º Aniversário TUGIR
1º Aniversário
Post Aniversário
Textos Blogs



2º Aniversário TUGIR
2º Aniversário
1º Post Aniversário
2º Post Aniversário
3º Post Aniversário
Textos Blogs



Jorge Sampaio
Comunicação de 2004-07-09
(Sampaio - Comunicação ao País)


Jorge Sampaio
Comunicação de 2005-03-12
(Sampaio - Posse XVII Governo)


Jorge Sampaio
Comunicação de 2004-12-10
(Sampaio - Dissolução AR)


Jorge Sampaio
Comunicação de 2005-07-17
(Sampaio - Posse XVI Governo)


José Sócrates
XV Congresso PS 2006
(Sócrates - Encerramento)


Aníbal Silva
Intervenção de 2006-03-09
(Silva - Tomada de posse)


Internacional

Tony Blair
Intervenção de 2005-06-23
(Blair - Parlamento Europeu)


Tugir em português
Magritte


online
segunda-feira, fevereiro 28, 2005
 
Fernando Pessoa Chiado[0.393/2005]
Lisboa [ II ]

A capital continua a ser alvo de uma gestão política capaz de surpreender os cidadãos que nela vivem, trabalham e, até, visitam.
Mais duas pérolas dignas de ampla perplexidade.
A primeira, e mais peculiar, a decisão do edil lisboeta pretender retirar todos os grandes cartazes da cidade de Lisboa. Ora, se bem me recordo, quem mais usou e abusou de cartazes, na cidade, nos últimos anos foi a actual gestão.
Quem é que se esqueceu dos quilómetros de cartazes distribuídos em toda a cidade, mandados afixar pelo autarca que tudo prometeu e quase nada cumpriu?
A segunda, e menos surpreendente, pois era previsível o desfecho do que ainda lamentavelmente não tem fim, a localização da Feira Popular. Depois da gestão camarária ter assegurado um novo espaço, no Jardim do Tabaco, a localização da Feira regressa à estaca zero, isto é, a Feira não será estabelecida na zona ribeirinha de Alfama.
Lisboa continua à deriva.
CMC
10:26:00 da tarde . - . Página inicial . - . Comentários (0)




 
Holanda[0.392/2005]
Pressente-se o primeiro chumbo

Vital Moreira esqueceu-se, provavelmente, de referir o pormenor do referendo ao Tratado Constitucional, que distingue o referendo holandês do francês, por exemplo.
Nos Países Baixos o referendo, de 1 de Junho, apenas tem carácter consultivo.
Todavia, será (muito) preocupante uma rejeição por parte dos neerlandeses.
A França volta a deixar a UE em suspenso. A Economist apresenta uma sondagem que indica a subida do "não" e a consequente queda do "sim".
Pressente-se um chumbo de um Estado-membro e, ao contrário do que se podia inicialmente pensar, ele talvez nem venha do Reino Unido, que só fará a sua consulta em 2006.
Entretanto, um dos Estados em que os cidadãos costumam assumir uma posição eurocéptica, a Dinamarca, já tem agendada a sua consulta para 27 de Setembro.
CMC
9:57:00 da tarde . - . Página inicial . - . Comentários (0)




 
Guterres
[0.391/2005]
A destrinçar:

Guterres; guterrismo; e, tralha guterrista.

Para que não surjam confusões.
CMC
6:08:00 da tarde . - . Página inicial . - . Comentários (0)




 
Tacho

[0.390/2005]
O penteado de Ana

Quem viu ontem Ana Sousa Dias a fazer aquele triste papel de empregada de Marcelo, que, até em relação ao penteado que ela exibiu, não deixou de opinar e sugerir diferente, confirmou uma vez mais que, em troca de uns cêntimos, pode dar-se cabo de uma carreira.
Sabe-se que foi quase uma sessão experimental e MRS ainda não tem disponível o material que se propõe escalpelizar, mas, mesmo para uma estreia, foi uma verdadeira tristeza.
Tudo atabalhoado, cortando a palavra à sua interlocutora sem sequer lhe dar direito de acabar uma frase, um desastre. Mais valia que o homem se apresentasse sozinho e mudasse o nome do programa para:
Mais Marcelo, menos Marcelo - Conversas em Família II .
A RTP tem de fazer o favor de se não esquecer que aquilo a que chamam o milagre da recuperação de Sarmento é o resultado do milagre da taxa escondida na conta de electricidade de cada um dos consumidores. Vai ter que justificar essa Taxa a quem a paga e não seria mau que, em duas ou três semanas, nos fossem apresentados os Shares de tal programa. Aliás seria razoável saber quanto custa aos contribuintes a prestação mensal de MRS em tão fraco programa.
Quando à jornalista Ana Sousa Dias: Ou se impõe ou não está a fazer nada que lhe seja benéfico. Talvez lhe seja melhor mandar passear o Professor!
LNT
2:34:00 da tarde . - . Página inicial . - . Comentários (0)




 
Avatares[0.389/2005]
Dois agradecimentos

O primeiro para o Bruno que mantém o Tugir na coluna dos destaques da semana dos Avatares de um Desejo. Partilhamos com ele aquela dúvida existencial sobre Selma Hayek. Será que são mesmo verdadeiras?
O segundo para o Pedro Magalhães pelo bom trabalho que desenvolveu a favor do esclarecimento técnico das sondagens que se realizam em Portugal. Ficamos agora a saber que, embora em acção reduzida até à pré-campanha para as autárquicas, irá de quando em vez publicar alguns Post onde fará considerações diversas sobre a ciência que Santana Lopes se propunha processar há meia dúzia de dias atrás.
LNT
1:45:00 da tarde . - . Página inicial . - . Comentários (0)




 
[0.388/2005]
Mais uma lição

Da determinação e força da Juventude que não se esgota com o correr do Tempo.
CMC
12:28:00 da tarde . - . Página inicial . - . Comentários (0)



domingo, fevereiro 27, 2005
 
Alka Seltzer




[0.387/2005]
Azias

Depois de um passeio dominical pela Blogos, o conselho-director do Tugir em português decidiu por unanimidade reforçar o seu stock de Alka-Seltzer, já bastante reduzido no consumo pós-eleições-europeias.
Se você é um dos que ainda sente sintomas de AZIA-21 (náuseas, raivinhas, mal-perderes, ou outras acefalias) inscreva-se, que teremos todo o gosto de oferecer uma destas fantásticas pastilhinhas já diluídas em, imagine lá o colo, água de Vichy.
LNT
9:56:00 da tarde . - . Página inicial . - . Comentários (0)




 
Marcibal[0.386/2005]
O silêncio dos (ainda) Inocentes

Enquanto o maior pica-miolos dos comentadores portugueses aguça o apetite para ensaiar as mordidelas a Sócrates, um carinho deixado por Morais Sarmento que bem revela o seu carácter político, sobre o futuro pouco ou nada se sabe.
A promessa de Vitorino parece cumprir-se. Não será na comunicação social que se formará o próximo Governo. Ainda bem que assim é, embora muitos dos que até há pouco tempo se queixavam da mediatização da política apareçam agora como os primeiros críticos deste método.
Vitorino dizia: - Vão ter de se habituar!
Pois vão e não é fácil inverter o hábito dos últimos anos, principalmente do último, em que tudo se sabia, a verdade e a mentira, o boato e a contra-informação, através da comunicação social. Bastava um Flash ou um foco para que logo alguém se pusesse a jeito para debitar sobre qualquer coisa.
Agora voltamos à normalidade. O Governo irá governar nos gabinetes, prestará contas através da Assembleia da República e não deixará que a agenda da Comunicação Social comande a da governação.
Quanto ao comentador dominical espera-se que às suas provocações se responda, nada! Até porque basta estar atento e reparar que, como sempre, o dito de hoje e o seu contrário na semana que vem, será a constante a que já nos habituou noutros canais.
Afinal a coisa chama-se "As escolhas de Marcelo" embora eu preferisse "As intrigalhadas de Marcelo".
LNT
8:44:00 da tarde . - . Página inicial . - . Comentários (0)




 

[0.385/2005]
Palpite

Melhor filme: Million Dollar Baby
Melhor Actor: Jamie Foxx
Melhor Actriz: Hilary Swank
Melhor Actor Secundário: Clive Owen
Melhor Actriz Secundária: Cate Blanchett
Melhor Realizador: Clint Eastwood
Melhor Filme Estrangeiro: Mar Adentro

CMC
8:32:00 da tarde . - . Página inicial . - . Comentários (0)




 
Marretas
[0.384/2005]
Antes os Marretas!

A diferença está no L, em relação ao primeiro pregador televisivo nacional.
A diferença está no canal, em relação à experiência anterior.
O solimão regressa à televisão.
Quanto tempo mais se fará dos embaidores referências analíticas?
O tempo é favorável aos cuquitantes de serviço. Que, como sempre, deliciam-se na chafurdice.
Os Marretas, pelo menos, tinham piada e eram sinceros. No fundo, eram mais educativos do que os cuquitantes, sempre atrelados aos interesses pessoais e às tramóias de circunstância, para delas saírem como referências.
A hipocrisia fede e o país inala.
CMC
3:04:00 da tarde . - . Página inicial . - . Comentários (0)



sábado, fevereiro 26, 2005
 
Jeremy IronsOscars 2005
[0.383/2005]

A um dia da entrega das estatuetas

Sem paciência para ver a estopada (penso) de Scorsese, três horas dentro de uma sala, e sem apetite para ver um filme a apelar à depressão, apesar de ter interesse em ver Mar Adentro , nada melhor que optar por um filme que tem por base um escrito de Somerset Maugham, e, ao mesmo tempo, fazer mais uma tentativa na expectativa de ver se era desta que Jeremy Irons voltava a marcar a tela como fez noutros temos.
O
filme tem o seu interesse. Jeremy, a referência doutros tempos, é que parece ter perdido a qualidade.
Amanhã é dia de Óscares e mesmo sem ter visto todos os filmes farei os meus prognósticos... antes do jogo. Amanhã.
Devo dizer que "torcerei" por Clint.

Já vi o filme que realiza e no qual desempenha um dos papéis arrebatador a par de Hilary Swank. Uma obra-prima!
A não perder Million Dollar Baby!
CMC
7:59:00 da tarde . - . Página inicial . - . Comentários (0)




 
Brasão de Oeiras
[0.382/2005]
Ajuste de contas

Depois do sucedido no início do mês, com a disponibilidade do antigo autarca assumir uma candidatura à Câmara e ao mesmo tempo passava um atestado de incompetência à sua sucessora, desta feita é a senhora a querer apurar ilegalidades no tempo em que o senhor comandou a autarquia.
O laranjal partidário de Oeiras está a ferro e fogo. Os ajustes de contas internos fazem-se, procurando descredibilizar a candidatura interna do adversário.
Talvez seja o tempo de Oeiras mudar de rumo e liderança. Quem tem de ajustar contas que o faça fora do município, que não é nenhum quintal para satisfazer os caprichos pessoais de ninguém.
CMC
2:22:00 da tarde . - . Página inicial . - . Comentários (0)




 
Palácio de Belém
[0.381/2005]
À procura do próximo inquilino

Mesmo com autárquicas pelo meio, as presidenciais de 2006 reconquistam a atenção política nacional.
Há pouco mais de um ano, a eleição de Janeiro do próximo ano estava na moda pela pretensa ambição do então edil lisboeta ser candidato e de todas as intervenções públicas do autarca, quase sempre alvo de realce, se centrarem praticamente no seu objectivo pessoal: ser candidato à Presidência.
Desta feita, o ex-edil e futuro ex-chefe do Executivo nacional não se referiu às eleições para Belém. Por enquanto. Agora é a direita, a anteriormente pouco preocupada com a eleição do próximo Chefe de Estado que dá sinais de preocupação e pretender encontrar, o mais breve possível, um candidato. Ou melhor, neste momento, procura criar condições para que um candidato possa assumir a candidatura sem sofrer qualquer intromissão de outro candidato de direita.
A esquerda também já deu sinais de preocupação. Houve intervenções na campanha eleitoral das legislativas, em particular uma intervenção em Castelo Branco, com finalidades eleitorais para além das legislativas. Isso foi patente.
A campanha para Belém passa a dominar as atenções políticas.
A direita quer, pela primeira vez, alguém da sua área política a residir no Palácio cor-de-rosa da Praça do Império. A esquerda procura, com novo protagonista, renovar os 20 anos de presença em Belém.
A rampa está a ser preparada, à direita e à esquerda. 20 anos depois, uma eleição presidencial ganha a dimensão perdida nas últimas duas décadas.
CMC
10:58:00 da manhã . - . Página inicial . - . Comentários (0)



sexta-feira, fevereiro 25, 2005
 
[0.380/2005]
As cotas já estão pagas?

A direita portuguesa está ao rubro, o PPD em especial.
Curioso o apelo feito por várias pessoas à destacada militante e antiga responsável da Fazenda nacional para disputar a liderança do partido. A mesma senhora que há meses não pôde participar na eleição de delegados ao Congresso por não ter pago as cotas a tempo.
Só se pode compreender o repto de alguns (determinados) dirigentes (distritais) do PPD a uma terceira via por receio do afastamento da má moeda pelo mais que provável próximo líder laranja.
A propósito de cotas, já estão pagas?
CMC
10:56:00 da tarde . - . Página inicial . - . Comentários (0)




 

[0.379/2005]
A fraqueza de um é a força do outro

Mais um triste acto de Monsieur Jacques. Desta vez, ele não foi o principal protagonista, mas não deixa de estar associado ao escândalo.
O Ministro das Finanças francês instalou-se numa casa de luxo. Uma renda de 14 mil euros, paga com dinheiros do Estado francês - facto permitido pela lei permite.
Ora, para um Estado como o francês, a braços, como o português, com um défice elevado, apesar da lei não impedir, a moralidade do acto é totalmente reprovável.
Ao fim de alguns dias, por pressão da imprensa, o Ministro viu-se na contingência de pedir a demissão. Porquê? Quando se conheceu o valor do arrendamento, o senhor Ministro dissera que era pessoa de poucas posses. Ele, na realidade, só é pobre se se comparar as suas condições com o dono da Microsoft.
O senhor Ministro não só possui várias casas, como mentiu quanto à sua situação económica. Felizmente, para ele e para os seus familiares, o senhor tem condições, mais do que suficientes, para não andar a depender do erário público.
Porém, note-se bem qual a pasta tutelada pelo senhor que hoje pediu a demissão: Finanças, Economia e Indústria.
Quem se recorda, há uns meses, em Novembro, para ser mais preciso, o Governo francês fez uma pequena remodelação. O Ministro até então das Finanças, Economia e Indústria tinha de abdicar do seu cargo governativo, pois Monsieur Jacques não queria que o super-Ministro fosse ao mesmo tempo Ministro e Presidente de um partido. O partido de Monsieur Jacques, o UMP. Ainda por cima, o Presidente do UMP foi eleito contra-gosto de Monsieur Jacques.
Em Setembro passado manifestei as minhas dúvidas quanto à capacidade de Nicolas Sarkozy para tutelar o ministério das Finanças, Economia e Indústria. O que é um facto, é que ele só não deu conta do assunto, como estava a endireitar as contas públicas francesas.
Monsieur Jacques, como tem ajustes de contas a fazer com Sarkozy, tenta, a todo o custo, limitar o raio de acção política da nova referência da direita francesa e, provavelmente, europeia.
Até agora, nesta relação Monsieur Jacques/Sarkozy, cada tiro de Monsieur Jacques, cada melro. Quem sai sempre a ganhar do braço-de-ferro que o inquilino provoca é Sarkozy. E, Monsieur Jacques perde.
Quem paga a factura das manigâncias e os arrufos pessoais de Monsieur Jacques é o contribuinte francês.
Nada de novo, na responsabilidade pública, tão característica de Monsieur Jacques.
Os assuntos, com a Justiça, do tempo em que foi Presidente da Câmara de Paris ainda estão pendentes. Serão tratados, espera-se, assim que a imunidade presidencial terminar.
Faltam dois anos para a próxima eleição presidencial francesa.
A direita francesa está enfraquecida, ao mesmo tempo, quanto mais a direita francesa fraqueja mais Sarkozy ganha credibilidade. Paradoxal, mas factual.
CMC
6:53:00 da tarde . - . Página inicial . - . Comentários (0)




 
Fernando Pessoa Chiado
[0.378/2005]
Lisboa [ I ]

Falta pouco tempo para conhecer o candidato socialista à Câmara de Lisboa.
Pelas notícias de hoje, o nome de quem já teve responsabilidades governativas e com grande desempenho na área social é do meu inteiro agrado... de há vários meses.
Espero que se confirme o nome avançado como o candidato do PS à Câmara. Tem, não só condições para ganhar, mas também qualificações para desenvolver um excelente trabalho.
Lisboa precisa de uma nova política, que termine com as aberrações desta gestão e devolva um projecto ambicioso e harmonioso de cidade.
Porém, Lisboa não se resume somente ao limite jurisdicional do concelho da capital. É uma área metropolitana, que começa na península de Setúbal e termina, quase, em Torres Vedras. Não teria qualquer pejo, se o senhor fosse português, de o defender como candidato.
A área metropolitana de Lisboa precisava de um líder como este. É republicano, bem sei, mas o mais importante é a qualidade e competência.
Penso que Lisboa está à beira de reconquistar uma liderança competente e qualificada, depois de quatro anos de improficiência.
CMC
1:55:00 da tarde . - . Página inicial . - . Comentários (0)




 
Condoleeza Rice
[0.377/2005]
A sopa feita

Em quatro anos aprende-se muito. A Administração norte-americana estudou bem a lição e parece ter aprendido com os erros do passado recente.
Antes de dar um passo em frente, nada como recuar dois.
O sucesso da viagem de G.W.B. ao Velho Continente deveu-se à inteligência e estratégia da sua Dama de Ferro.
A visita do Presidente norte-americano esta semana à Europa apenas serviu para os líderes dos dois lados do Atlântico tomarem, publicamente, a sopa. Ela já estava feita há duas semanas, quando a sucessora de Powell a preparou, para agora a poder servir aos dirigentes dos dois lados do Atlântico. Beneficiando, como é óbvio, o prato do patrão.
Este mandato republicano, pelo menos a política externa, vai ser mais hábil do que o anterior, que só pode ser comparável a um elefante em pleno exercício numa loja de cristais.
CMC
1:18:00 da tarde . - . Página inicial . - . Comentários (0)



quinta-feira, fevereiro 24, 2005
 
Blog do Dia
[0.375/2005]
Like a zombie

Vindo do outro lado da Lua, onde cheguei a pensar que me tinha instalado de vez, tal o febrão, as dores diversas e o raio da tosse que deixa os abdominais como as costas do outro, cheias de facas, alerto que estas gripalhadas atacam sem aviso e conseguem transformar gente comum em zombies. Comigo neste estado, mas que hoje já deu para abrir a traquitana dos Blogues, vejo que o meu parceiro CMC deve ter entrado em greve pós-eleitoral e este Tugir anda pelas ruas da amargura.
Entretanto o Diário de Notícias ao saber-nos em tais preparos, para nos dar algum alento, resolveu distinguir-nos como o Blog do Dia.
E pronto, serviços mínimos que este maldito vírus não dá para mais.
LNT
3:15:00 da tarde . - . Página inicial . - . Comentários (0)



terça-feira, fevereiro 22, 2005
 
Hayek


[0.374/2005]
Parabéns

Atrasados, mas ainda a tempo de apanhar a locomotiva do aniversário (esperamos!).
Parabéns Miguel pelos dois anos do Intermitente.
LNT & CMC
5:04:00 da manhã . - . Página inicial . - . Comentários (0)



segunda-feira, fevereiro 21, 2005
 
Mordillo[0.373/2005]
Palpiteiros do Ano (Resultados)

Tal como se previa, o concurso palpiteiros do Ano do Tugir em português não conseguiu atingir o objectivo proposto (Até parece o CDS)
Como se pode observar a palpitaria não se revelou grande ciência para os 18 concorrentes em prova.
Voltaremos, lá para o fim do ano, em novo escrutínio, desta feita para as autarquias.
LNT
Ver também Post 347 e Post Concurso
7:55:00 da tarde . - . Página inicial . - . Comentários (0)




 
LNT[0.372/2005]
Apontamentos

Após todas as análises da noite de ontem, ainda não apetece escrever. Vai ser preciso perceber o que os eleitores quiseram transmitir. Perceber como foi que a esquerda radical se afirmou e perceber quem votou na CDU. Como já aqui disse noutra ocasião, a mudança não foi da direita para a esquerda, mas do centro e centro-esquerda para as diversas esquerdas.
Se é certo que o BE obteve um resultado memorável, também é o de ter falhado no objectivo mais gritado durante toda a campanha:
Evitar que o PS obtivesse a maioria absoluta.
Se é verdade que o PCP (ou a CDU, como queiram) conseguiu estancar da sangria e recuperar minimamente da queda em que entrou há quase duas décadas, falhou igualmente no seu objectivo mais apontado em toda a campanha.
O PS obteve a maioria absoluta permitindo concluir que os cidadãos não só quiseram livrar-se da tralha do último governo, como também acreditaram que o Partido Socialista é a tábua de salvação para Portugal.
Da direita ficou a surpresa de que o CDS, ao contrário do que se dizia, só representa realmente a percentagem que manteve (com pequena queda). A tese de que muitos votos Cêdêésses se deslocavam para o PSD numa atitude de voto útil, ficou provada ser falsa.
O PSD reduziu-se aos seus militantes com a perda de fidelização dos seus eleitores tradicionais seguramente por não se reverem na liderança de Santana Lopes.
Nota interessante
:
O falhanço do apelo ao voto em branco que, apesar da propaganda anónima massiva, não se revelou de forma verdadeiramente expressiva.
Nota de humor:
Utilizando o demagógico discurso do Bloco, o PND foi o partido que mais subiu nas intenções de voto. De 0, passou para 0,7%. (aumento de 100%)
Nota final:
O agradecimento a todos os que escolheram o Tugir em português para expressarem o seu contentamento e felicitações. Como socialistas sentimo-nos parte dessa vitória e temos consciência de termos contribuído para os resultados. No entanto, o Tugir em português não é um Blog do Partido Socialista. Antes é um espaço onde dois socialistas escolheram expressar-se livremente, numa demonstração de que o facto de serem militantes partidários não é sinal de obediência cega nem tão pouco de alinhamento acrítico.
Nota de esperança:
Que as primeiras medidas do novo Governo sejam de auditoria séria às finanças e às áreas fiscais para obter elementos que permitam o diagnóstico correcto de toda a situação e, a partir daí, avançar com as medidas correctivas necessárias. Não estamos em tempos de tangas, temos de olhar em frente e começar a reconstrução.
Esperança é o grande sentido a tirar dos resultados eleitorais. Esperança de que sejam dados os passos conducentes à recuperação do tempo perdido.
Nós acreditamos.
LNT
5:42:00 da tarde . - . Página inicial . - . Comentários (0)



domingo, fevereiro 20, 2005
 
Coco Socrates






[0.371/2005]
Absolutamente

Agora, logo após a festa, tem de ser trabalho.
Muito trabalho para que se possa avançar. Começar já a reconstrução de Portugal.
Força PS.
LNT
8:00:00 da tarde . - . Página inicial . - . Comentários (0)




 
Vampiros
[0.370/2005]
Agora já não falta nada

Os cidadãos já se pronunciaram. As urnas estão abertas, os boletins espalhados nas mesas e procede-se à contagem dos votos.
Entretanto todas as previsões já estão traçadas e aguarda-se que os açorianos terminem de votar.
JPP já fala de derrota eleitoral. Não do PSD, mas de Santana Lopes. Como se isso fosse possível. Nota-se no comentador aquele ar a que o PSD já nos habituou. As derrotas são só de uns, as vitórias são de todos.
Começou a vampiragem. É ver os caninos crescer. Agora já todos vão poder eleger e ser eleitos, coisa que diziam impossível há três meses.
LNT
7:32:00 da tarde . - . Página inicial . - . Comentários (0)




 
 [0.369/2005]
Primeiro comentário

Antes do cair da exacerbada noite eleitoral, antecipo o comentário das 20 horas. Feito há uns meses atrás.
Bom jantar e até logo.
CMC
6:41:00 da tarde . - . Página inicial . - . Comentários (0)




 

[0.368/2005]
Derrota do dia

Só pouco mais de um terço dos espanhóis se deslocou às urnas para dizer ao Tratado.
UE e cidadãos europeus continuam de costas voltadas.
CMC
6:13:00 da tarde . - . Página inicial . - . Comentários (0)




 
Votar
[0.367/2005]
Ainda faltam duas horas

Agora que a maior parte dos votos já estão dentro das urnas aguardamos que daqui a duas horas tudo decorra com a normalidade pretendida para que, pelas oito da noite, se possa começar a ter uma ideia do que aí vem.
Há muita gente que opta por se não pronunciar e que imediatamente após o conhecimento dos resultados irá começar a exigir aquilo para que não contribui.
Se ainda não votou, não se deixe ficar em casa. Por mim, só votei eu próprio.
MagrittesO Tugir em português lamenta a morte prematura de Manuel Alves de Oliveira. Provavelmente mais um custo que a democracia traz para quem se envolve nestas coisas e se sujeita às pressões que tudo isto trás. A Assembleia da República ficou mais pobre.
LNT
5:22:00 da tarde . - . Página inicial . - . Comentários (0)




 
Marx[0.366/2005]
Nostradamus bloguístico?

Há um ano, sensivelmente, o estimado Gabriel terminava a sua escrita no Cidadão Livre. Na altura tive oportunidade de lhe desejar felicidades na nova casa, sem esquecer de me referir ao significado do surgimento do Blasfémias, citando parte do escrito da dupla de revolucionários do século XIX.
Há um ano, surgiam os primeiros sinais de concentração bloguística. Talvez o Blasfémias tenha sido o primeiro exemplo.
Agora, constato, pelo do escrito do Leonel, o aparecimento do mega-empreendimento-bloguístico de direita.
É caso para parafrasear, outra vez, o escrito de 1848: Vemos, pois, como a burguesia moderna é ela própria o produto de um longo curso de desenvolvimento, de uma série de revolucionamentos no modo de produção e de intercâmbio.
Ainda há quem diga que o senhor das barbas não era presciente. Cada vez mais se comprova a sua argúcia... até a blogosfera foi, sem o saber, alvo de análise no século XIX. Quem diria!
Fico, no entanto, na dúvida em relação ao novo espaço bloguístico. É que os seus escribas, cheira-me, pouco terão em comum com a doutrina que dá nome ao mega-empreeendimento-bloguístico. A escola dos escribas deve ser mais de Chigago do que das terras de Sua Majestade.
CMC
P.S. - Só para mera lembrança, o senhor das barbas também bebeu doutrina do pai da mão invisível.
E, constatar o facto, de quem mais advoga o individualismo, acaba por seguir a máxima da união, deixando a sua liberdade entregue ao colectivo. Estas coisas da direita e esquerda sempre tiveram muitas contradições.
Aos estimados amigos João e João, votos de sucesso na vossa nova aventura.
12:26:00 da tarde . - . Página inicial . - . Comentários (0)




 
Boletim Voto

[0.365/2005]
Já só faltam sete horas

Estão a decorrer as eleições legislativas que encerrarão um ciclo pouco edificante da nossa história contemporânea.
Em Lisboa concorrem onze forças políticas (Exemplar do Boletim de voto à esquerda) prevendo-se para as 20:00 horas as primeiras projecções dos resultados eleitorais.
As urnas encerram às 19 horas. Não deixe de votar porque a expressão "Votar é um direito e um dever" não é um slogan, mas sim uma norma constitucional.
LNT
12:06:00 da tarde . - . Página inicial . - . Comentários (0)




 
Mordillo[Concurso]
Palpiteiros do Ano (Nota fim)

Continua a decorrer o concurso Palpiteiro do Ano.
Um clique sobre o Magritte Palpite, no canto superior direito deste Blog, é quanto basta.
Participe.
LNT

Ver também Post 347
ET.: Como disse Mariano Gago no debate da Sociedade da Informação:
"Na ciência nunca se reponde a questões postas no condicional. Em política ainda menos. "
Deve ser por essa razão que politiqueiros, politólogos e Spins pura e simplesmente fugiram deste concurso como o demo da Cruz.

Nota fim de concurso
Terminou a palpitagem do nosso concurso.
Só 18 quiseram arriscar. Vamos ver, daqui a umas horas, se teremos eleito o palpiteiro do ano do Tugir em português.
11:59:00 da manhã . - . Página inicial . - . Comentários (0)




 
 [0.364/2005]
Globalizecices!

Estranho sentimento, o meu. Estava mais desperto e entusiasmado, de esperança, no passado dia 2 de Novembro de 2004 do que hoje.
Continuará Portugal fiel à máxima de Lampedusa?
CMC
11:30:00 da manhã . - . Página inicial . - . Comentários (0)




 
[0.363/2005]
Recomendação

Recomenda-se o visionamento deste filme a este senhor.
Esta película não é muito indicada, devido à obscenidade apresentada. O filme acaba por ser mais do que pornográfico, segundo os valores enunciados na entrevista.
CMC
10:04:00 da manhã . - . Página inicial . - . Comentários (0)



sábado, fevereiro 19, 2005
 
Abrupto

[0.362/2005]
Quase Plágio

19.2.05

18:51 (LNT)
COISAS SIMPLESSÍSSIMAS


Andie Macdowell

Andie Macdowell

19:01 (LNT)
EARLY MORNING BLOGS 001

Menino d'oiro


Onde fores no teu sonho
Quero ir contigo
Menino d'oiro
Sou teu amigo
Menino d'oiro
Sou teu amigo

Venham altas montanhas
Ventos do mar
Que o meu menino
nasceu p'ra amar
Que o meu menino
nasceu p'ra amar

Venham comigo venham
Que eu não vou só
Levo o menino
No meu trenó
Levo o menino
No meu trenó

O meu menino é d'oiro
É d'oiro fino
Não façam caso
Que é pequenino
Não façam caso
Que é pequenino

O meu menino é d'oiro
D'oiro fagueiro
Hei-de levá-lo
No meu veleiro
Hei-de levá-lo
No meu veleiro

Venham altas montanhas
Ventos do mar
Que o meu menino
nasceu p'ra amar
Que o meu menino
nasceu p'ra amar

Venham comigo venham
Que eu não vou só
Levo o menino
No meu trenó
Levo o menino
No meu trenó

(Zeca Afonso)

Bom dia!

COMEÇOU
o silêncio

a Matilde

LNT
10:00:00 da tarde . - . Página inicial . - . Comentários (0)




 

[0.361/2005]
Ilustríssima Señorita Lolita,

Devia ter-lhe respondido à primeira missiva. Esqueci-me. Nem me lembrei mais.
Respondo-lhe agora com gosto, neste dia "ecológico", como bem refere.
Ontem à noite, tive oportunidade de estar com os seus outros dois sobrinhos. O Luís e a Luísa. Eles estão bem. Não se preocupe com a saúde de ambos.
Apesar de ainda não me terem feito a vontade do petisco guineense, eu cá vou aguardando com paciência. Quem sabe, se o ex-Presidente Ialá ganhar as eleições, talvez nesse momento, quando as presidenciais guineenses consagrarem o candidato do barrete vermelho, eles me façam esse petisco, assinalando a vitória do Presidente filósofo.
Da sua amiga, das margens do Douro, a Lolyta, com y, não tenho tido notícias. Contudo, como bem sabe, sempre depositei toda a minha confiança no excelso besugo. O esculápio que estetoscopiza, mucho, o blogame e olha pelo bem-estar de todos. Hoje até lhe dá para falar do Comistro. Está em serviço preventivo.
Quanto ao nosso voto lusitano, alvo da nossa reflexão colectiva, hoje, ele será, certamente, expresso nas urnas, que, são soberanas. Menos soberanos, são os comentadores portugueses, em especial os cuquitantes. Amanhã à noite, um quererá brilhar no canal público, agora que está de regresso aos sermões dominicais. O outro anda por aí, a espalhar fel. Note bem, até desconfiou de um gesto de um candidato. Só por o não ter em boa conta, fez trinta por uma linha. Depois, acabou por sair de fininho, pedindo desculpas.
No fundo, nós, portugueses, ainda padecemos de um mal, pouco comum na sua Espanha. Em Portugal dá-se protagonismo a políticos frustrados e tenta-se fazer dos falhados referências analíticas. Por isso, a análise da política portuguesa é tão fraca e perversa.
No dia em que deixarem de dar protagonismo aos cuquitantes, defensores tácitos da mediocridade, para pretenderem brilhar, Portugal será um país melhor.
Termino a epístola desejando-lhe um bom voto, amanhã, na sua Galiza natal. O seu voto e o de milhões de espanhóis é importante, para todos nós europeus.
Despeço-me com amizade (como diria o outro) e até breve.
Esteja atenta, muito atenta, pois a música de Zeca Afonso está quase a soar, por tão bem retratar Portugal. Assim que baterem as badaladas das 20 horas de amanhã, os cuquitantes, perdão, os mamíferos surgirão. Dão-lhes trela... é no que dá!
CMC
8:05:00 da tarde . - . Página inicial . - . Comentários (0)




 
Tia Lolita

[0.360/2005]
Querido sobrinho Carlos

Estes dias de reflexão que a Constituição nos impõe são um bem ecológico a nunca perder. É nestas jornadas que entre o chicharro na brasa e o calor da camilha após o marejar nas bordas da maré vazia nos reconciliamos com a Pátria madrasta e esquecemos aquelas coisas de que por estarmos em reflexão não podemos falar.
Quando na segunda os vampiros descerem em busca do sangue dos prematuros os alhos e cruzes farão que se perca de novo a doçura do país que tem a sorte de sentir o Sol aquecê-lo nos dias difíceis e do mar que transporta para a rebentação os destroços da onda que a antecedeu. Nação velha histórica fundada por um filho da mãe a quem bateu. Nação que quando fala de si diz sempre Eles.
MagritteEstou reflexiva como um quadro de Magritte onde o espelho prevendo a barbárie e a vingança do espectro nunca reflecte o inverso e deixo esses mirabolantes cocós agarrados ao ferrolho da porta sem nunca lhes dar entrada.
Afinal meu querido sobrinho Carlos lá fora está o Sol para nos aquecer o mar para nos dar alento e cá dentro a esperança que mesmo sendo a marinharia coisa de outros tempos ninguém nos poderá tirar. Uma espécie de orgulho do barbudo Albuquerque para transportar o reflexo do dia a paragens bem mais místicas de contemplação.
Ou não fossemos os descendentes de Viriato. Temos esperança e determinação. Coragem bastante para acreditar e acreditamos que se Nosso Senhor quiser e a santinha que a Ele se juntou na semana passada forem divindades atentas tal como já o foram no tempo em que o Prestige derramou o crude nas enseadas da Galiza amanhã faremos saltar a rolha do Veuve Clicquot que guardo na cave deixando que cada bolha faça o seu propósito.
Estou pronta para a ressaca para a qual logo após não haverá Guronsan que cure.
Deus com ou sem avental te guarde Carlitos e nunca te esqueças de dizer aos teus amigos que um voto em branco em muitas mesas eleitorais deste Portugal deixa de o ser após a abertura das urnas. Lembra-te de Lisboa ainda não fez quatro anos.
Beijinhos da
Tia Lólita
4:59:00 da tarde . - . Página inicial . - . Comentários (0)




 
[0.359/2005]
Falta uma semanaOscars 2005

Falta uma semana para a entrega das estatuetas. Felizmente, este ano não há "Senhor dos Anéis" para arrebatar a cerimónia.
O ano passado foi excessivamente mau, estar até altas horas da madrugada, para ver os mesmos a receber quase todas as esculturas. De amanhã a oito dias, o espectáculo deve ser mais interessante.
O fim-de-semana serve para colocar os filmes em dia. Primeiro, o filme do grande Clint e, sem grande expectativa, "O Aviador".
Na próxima semana estreia mais uma (de certeza) pérola da 7ª Arte espanhola. O filme de Amenábar deve ser mais um marco do cinema, destacando-se a majestosa interpretação de Javier Bardem. E, por falar em cinema europeu, nunca mais chega às salas portuguesas "Der Untergang", que retrata os últimos dias do facínora do III Reich.
CMC
P.S.- Os nomeados deste ano.
11:49:00 da manhã . - . Página inicial . - . Comentários (0)



sexta-feira, fevereiro 18, 2005
 

Acreditar

[0.358/2005]
Foi gira a festa, pá

Casa cheia como há muito não se via. Muita, muita gente com esperança no rosto e alívio no coração. Magotes a dizer que acreditam, a querer acreditar.
Do púlpito o Manuel pedia com voz de trovão:
Vão para casa, falem com os vizinhos, com os amigos, mandem mensagens, façam telefonemas porque falta pouco, muito pouco, para se iniciar o futuro.
E nós que só tugimos e já não queremos pedir de viva voz mais nada, fazêmo-lo nesta nossa mansa forma com que tugimos:
Maioria Absoluta para bem de Portugal
E como somos de bem e educados, acrescentamos:
Se faz favor
Reflictam bem e não deixem de votar.

LNT
11:59:00 da tarde . - . Página inicial . - . Comentários (0)




 
[0.357/2005]
Depois de 20 de Fevereiro de 2005 [V]

A única dúvida, para o PS, e para os portugueses, reside na existência ou não de maioria absoluta. Independentemente do resultado, caso o PS não tenha aprendido com os erros da última governação socialista, o próximo Governo pode atingir, rapidamente, fragilidades políticas indesejáveis.
As eleições presidenciais, de Janeiro de 2006 acabarão por assumir um papel mais relevante do que se pode pensar. Mesmo em caso de maioria absoluta, o PS pode ser alvo de um escrutínio persistente de Belém. Tudo depende de quem será o próximo Presidente da República.
Muitos dos que há dois meses xingaram os poderes presidenciais, poderão ser, em breve, os primeiros a elogiar as qualidades da Constituição, no domínio de poderes do Presidente da República.
O acto assumido no final de Novembro de 2004, com a tomada de decisão de dissolução do Parlamento, passará a estar (muito mais) na ordem do dia.
E, o PS que se prepare para anos de difícil confrontação política, pois a futura equipa dirigente do PPD será formada por hábeis e credíveis políticos, com o culto e ambição desmesurada de poder. Em certa medida, é bom.
Só haverá um Governo realmente bom, se a oposição for combativa.
CMC
8:00:00 da tarde . - . Página inicial . - . Comentários (0)




 
[0.356/2005]
Depois de 20 de Fevereiro de 2005 [IV]

O PPD é o caso mais peculiar nestas eleições. De um lado, os indefectíveis do líder, desejando ultrapassar a barreira dos 30%. Do outro, os opositores à actual liderança, esperando o contrário.
O partido não irá parar a campanha. Termina a externa, começa a interna.
Um congresso antes das autárquicas, lá mais para a Primavera, para arrumar a casa. E, caso o PS vença com maioria relativa, a futura liderança preparará o partido para conquistar o poder antes de 2009.
Outra frente de batalha interna surgirá. Ou melhor, reaparecerá. As presidenciais. Provavelmente, os defensores da candidatura do Professor de Boliqueime podem ser apanhados, dentro de mais ou menos um a dois meses, pelo lançamento de uma candidatura a Belém do ainda chefe do executivo nacional.
CMC
7:57:00 da tarde . - . Página inicial . - . Comentários (0)




 
Legislativas 2005
[0.355/2005]
Votar é preciso

Confesso que a estória das sondagens que dão a maioria absoluta ao PS não sossegam. Se tivessem valor real poupava-se tempo e dinheiro. A coisa já estava feita.
Mas não é assim.
Só contam para os resultados eleitorais os votos entrados nas urnas. É preciso ir lá, identificar-se, levar o boletim de voto até à câmara de voto, pegar na esferográfica, fazer a cruzinha, dobrar o voto em quatro e entregá-lo ao presidente da mesa para que ele presencialmente o insira na urna. Só nesta altura é que cada um dos votos é válido.
LNT
Nota: Depois, se quiser acompanhar o escrutínio oficial via Internet já sabe que é AQUI
4:41:00 da tarde . - . Página inicial . - . Comentários (0)




 
[0.354/2005]
Depois de 20 de Fevereiro de 2005 [III]

O Presidente do CDS continua a sobreviver. Por diversas vezes esteve à beira de acabar politicamente. Sempre que o precipício se abeirava, ele conseguia inverter o rumo da marcha e evitava o tombo fatal.
À direita, a maioria do PPD odeia-o, muito por causa do fato de jornalista. Só foi suportado por alguns, desde há três anos (até domingo), pela necessidade, premente, de aguentar e exercer o poder.
A esquerda, inicialmente, via-o com bons olhos. O adversário de ambos era comum. Uma vez terminada esta luta, o Presidente do CDS tornou-se um incómodo e acabou por ser uma pedra no sapato, assim que o viram no Governo.
Estas eleições afasta o actual ministro da Guerra do poder, mas não o exila (ainda) da sua proximidade. À espera e batalhando pela impossibilidade do PS obter maioria absoluta, resta-lhe a esperança dos socialistas caírem e, novamente, o PPD, quando chegado ao poder, ter de lhe estender, sem prazer, a mão para viabilizar uma maioria de direita.
Muita água vai correr debaixo da ponte centrista. O líder do CDS continua a resistir. Ainda não é desta que cai. Para agrura muitos militantes do PPD, que continuam a ter de contar com o passaporte CDS para obter a maioria.
A sobrevivência da espécie fornece esta virtude, o faro para evitar o perigo está sempre apurado.
CMC
1:48:00 da tarde . - . Página inicial . - . Comentários (0)




 
Demo[0.353/2005]
Lágrimas de crocodilo

Via Avatares, mais um que chora no ombro da incoerência.
Um dia não combate no local próprio porque entende que as ribaltas feéricas lhe são mais favoráveis. Depois vota no demónio, como o outro comentador dominical, porque é a única forma de o combater. Uma espécie de oxigénio ao morto, para o assassinar após a ressurreição. Pode ser que se engane e que o morto esteja muito mais vivo do que pensa.
Jogos de poder, é o que é. De poder e de luzes.
As elites, as tais elites sobre quem um dia ainda escreverei um Post.
LNT
12:27:00 da tarde . - . Página inicial . - . Comentários (0)




 
[0.352/2005]
Depois de 20 de Fevereiro de 2005 [II]

A tese de António Barreto: "ou o PCP muda e desaparece, ou o PCP não muda e desaparece", desaba perante o número de boletins de voto com cruz na CDU.
O PCP não mudou e o PCP não desaparece. Pelo contrário. Sai de uma eleição reforçado. Mais por acaso e felicidade da conjuntura do que por premeditação.
A ala ortodoxa mostra e faz questão de exibir o sorriso de um grande vencedor, e defenderá, como sempre fez, com unhas e dentes, a sua postura, pois, segundo eles, as urnas são como o algodão, não enganam.
A escolha do rosto exterior, em Dezembro passado, tenderá, a partir da noite de 20 de Fevereiro, parecer a mais acertada.
Os ortodoxos são (internamente), desta vez , haja ou não simpatia, vencedores.
CMC
11:29:00 da manhã . - . Página inicial . - . Comentários (0)




 
[0.351/2005]
Depois de 20 de Fevereiro de 2005 [I]

O Bloco de Esquerda tem um resultado histórico nas urnas.
Todavia, o marco eleitoral memorável deverá assinalar a entrada do BE na fase de declínio.
CMC
11:01:00 da manhã . - . Página inicial . - . Comentários (0)




 
Coco[0.350/2005]
Ainda faltam dois dias

Inicio este Post com um agradecimento às amáveis palavras que o autor do Jumento nos dirigiu. Não fizemos nada de especial, caro Roncinante. Limitámo-nos a andar por aqui.
Seguindo para Post de contagem decrescente.
1. A entrevista na DOIS do Presidente do PPD/PSD, foi notável. O homem é esperto e, às vezes, até tem rasgos de inteligência. Já viu que escusa de fazer apelo às elites (ainda um dia hei-de escrever um Post sobre aquilo a que vulgarmente chamamos elites) porque delas só recebe desprezo e agora, em esforço final, adoptou o ar de vítima total, entre o blasée e o "lá estão vocês com essas coisas", desbravando o caminho do Lula português. Anseio os resultados eleitorais para saber até que ponto esta estratégia resultou. PSL ainda dará muita luta no futuro.
2. Hoje terminam as campanhas eleitorais. O comício da Junqueira será uma grande festa que espero continuar no fim do dia 20.
3. É tempo de fazer a minha declaração de voto. Imagino o vosso ar espantado quando souberem que, desta vez, votarei no Partido Socialista. Surpreendidos? Também eu. Nunca pensei fazê-lo mas algo me diz que será o meu voto que determinará a maioria absoluta. Oxalá haja muitos outros a julgar o mesmo.
4. O Blogger está impossível de operar. Nada que não se tivesse preconizado logo no início deste mês. Mais de três horas para publicar um Post? Será que vai colapsar no dia 19?
LNT
8:59:00 da manhã . - . Página inicial . - . Comentários (0)



This page is powered by Blogger. eXTReMe Tracker